Sem categoria

Imagine como se estivesse olhando pelo buraco da fechadura de uma porta. Essa imagem reduzida nas laterais, centralizada apenas, é mais ou menos, como o que uma pessoa com glaucoma pode ver o mundo.

A redução progressiva do campo visual,  é uma das características da doença e pode levar até a cegueira.

Segundo alerta da Organização Mundial da Saúde (OMS), são registrados 2,4 milhões de novos casos de glaucoma anualmente, o que totaliza 60 milhões de pessoas no mundo. No Brasil, de acordo com a Sociedade Brasileira de Glaucoma, a doença atinge 2% dos brasileiros acima dos 40 anos, resultando em cerca de um milhão de pessoas. É um problema que desenvolve de forma lenta. Às vezes, leva anos para que  a pessoa sinta algo que realmente chame a atenção dela.

O glaucoma é uma doença ocular caracterizada por alteração do nervo óptico que leva a um dano irreversível das fibras nervosas e, consequentemente, perda de campo visual. Essa lesão pode ser causada por um aumento da pressão ocular ou uma alteração do fluxo sanguíneo na cabeça do nervo óptico.

O envelhecimento está diretamente ligado a quantidade de pessoas que podem ser diagnosticadas com glaucoma. Isso faz com que a idade eleve as chances de desenvolver a doença. Pessoas com casos na família também podem estar mais propensas ao problema. Se há também um diagnóstico de pressão ocular alterada no histórico ou descoberto recentemente, é necessário se cuidar para não piorar a situação.

Algumas formas de prevenção:

Alguns tipos de glaucoma não há como se prevenir, mas pode-se evitar a perda da visão. Diagnóstico precoce e cuidados meticulosos com a doença são chaves para a prevenção da cegueira.

É muito importante fazer consultas frequentes ao profissional ótico e realizar sempre alguns exames de prevenção para evitar os sustos causados pelo glaucoma.

Além disso, existem alternativas de autocuidado que podem ajudá-lo a detectar a doença precocemente, limitar a perda de visão ou retardar seu progresso.

  • Realizar exames completos e regulares podem ajudar a detectar o glaucoma em seus estágios iniciais, antes que ocorram danos irreversíveis.
  • Conheça o histórico de saúde ocular da sua família.
  • Exercite-se com segurança. Exercícios moderados e regulares podem ajudar a prevenir o glaucoma, reduzindo a pressão ocular
  • Use os colírios prescritos regularment. Os colírios de glaucoma podem reduzir significativamente o risco de que a pressão ocular alta progrida para glaucoma
  • Use proteção para os olhos. Lesões oculares graves podem levar ao glaucoma. Use proteção para os olhos ao usar ferramentas elétricas ou praticar esportes de auto impacto.